Luso-Brasileiro-Brasiguês… mas pode ser Portuleiro


Fiquei fula…
Amiga minha, em conversa de jantar regado comentava sobre escrita e dizia-me:
- Amiga, se você pretender escrever para gente do Brasil, vc tem que escrever tal como eles escrevem… senão… falam que você não sabe escrever!…
- Caríssima, eu escrevo português… eles falam português… o facto de usarem outros termos e soltarem a imaginação, não quer dizer que não entendam a língua mãe…
- Sabe como eles são… criativos… brasiguês.
- Eu sei…. e por saber, escrevo português… acho que é uma das poucas coisas que portugueses e brasileiros entendem muito bem…. o resto… é dança!… um dança assim…. outro dança assado.
- Sei não… viu como é? Português diz: não sei…
- Então vê… como notaste isso?
- Lendo
- Aprendeste rápido?
- Sim…
- Difícil?
- Nada mesmo… por vezes acontece uns termos diferentes…
- Mas aprendeste?
- Sim, claro…
- Então vá… só tô escrevendo… português para portugueses, brasileiros, portuleiros e brasilêses! Conta assim?
- Tá… eu entendo vc porque sou portuguesa…
- Tás na menopausa é???
Virou bicho… quero dizer: Ficou fula… há muita gente que pretende fazer do povo brasileiro mau entendedor na leitura e na escrita. Eu parto do principio que se eu o entendo, ele há-de entender-me.  Hábito? Claro…  como tudo na vida. Só que desta vez não vou deixar o hábito fazer o monge!… ;-)


Comments are closed.